10 anos Youngers

10 anos Youngers

Pessoas ordinárias fazem coisas extraordinárias…

O que Bill Gates, Beatles e Mozart têm em comum? Mais de 10.000 horas de prática antes de se tornarem referência em suas áreas. Segundo, Malcolm Gladwell, autor do livro Outliers, aquilo que torna alguém extraordinário no que faz é uma combinação de habilidade, oportunidade e prática. Bill Gates nos anos 70, quando quase ninguém tinha computador, teve uma série de acasos que o levaram não apenas a ter acesso a computadores ainda na escola, como acesso a computadores do tipo Teletype que respondiam “realtime” ao programa desenvolvido (ao invés de ter que esperar pelo processamento dos famosos cartões perfurados). Em virtude disso, quando criou sua empresa, Gates estava programando quase sem parar por 7 anos seguidos! Os Beatles tocaram por 7 anos na Inglaterra, e antes de “estourarem” nos EUA com seu primeiro álbum, tocaram um ano e meio em média 5hrs seguidas por 270 noites. E Mozart, bom, simplesmente começou a compor ainda criança e fez história com sua 9a sinfonia aos 31 anos. 10.000 horas de prática, argumenta Gladwell em seu livro, é o que é necessário para se alcançar expertise: “é como se levasse ao cérebro todo esse tempo para assimilar o que precisa para virar referência em uma atividade”. E por essa “regra” os outliers não são seres supercapacitados, mas pessoas com uma determinação extraordinária para praticar aquilo de que gostam, e encorajamento e apoio para poderem se manter no caminho sem perturbações. “Prática (afirma Gladwell) não é o que você faz quando você é bom, mas o que você faz que o tona bom.”

Há 29.200 horas (úteis) em 10 anos de vida.

Considerando uma média de 8 horas por dia pensando, atuando, vivendo, experimentando um negócio por 10 anos, ao final desse tempo um empreendedor acumula 29.200 horas úteis dedicadas a seu propósito. Descontando os fins de semana, se for possível acreditar que empreendedores conseguem não trabalhar no fim de semana, temos 19.200 horas. Ainda assim, bem mais do que a regra das 10.000 horas. Esse é o tempo em que a Youngers vem atuando na comunidade Vila Torres e além dela.

Muita coisa acontece em 10 anos! Você pilota diferentes modelos de curso, diferentes modelos de negócio, faz parcerias, participa de acelerações, ganha prêmios, ganha fôlego, ganha envergadura! Com a Y não foi diferente. Ela começou com um propósito na cabeça: ser referência na redução de desigualdade social a partir do indivíduo. Para isso, o primeiro passo de seus fundadores foi morar dentro da Vila Torres: uma das maiores comunidades de Curitiba. A ideia era viver a vida da comunidade para, mais do que entender, sentir os desafios enfrentados pelos cidadãos e desenvolver formas de fomentar suas potencialidades. Foi da imersão que surgiu a Jornada Empreendedora, que atualmente é uma formação de nano-empreendimentos que tem de 4 a 6 semanas de duração e culmina com seus participantes faturando mais do que o que se ganha no auxílio família. Os empreendedores terminam a jornada com plano de negócios estruturados, seus negócios formalizados, e em muitos casos até aptos ao microcrédito e outros produtos financeiros. Não é pouca coisa considerando que estamos falando de pessoas que começam sem se perceber capazes de sair da dependência do Estado.

297 negócios é um presente de aniversário e tanto!

Todos sabemos a satisfação enorme que sentimos quando vemos que “fizemos a diferença” na vida de alguém ou na empresa onde trabalhamos. Talvez essa seja também a maior recompensa da Y nesses 10 anos: ouvir as histórias dos 297 ex-alunos e saber que foi parte delas. Junto, é claro, tem os prêmios: em 2019, por exemplo, a Y foi a Startup Social mais premiada em Curitiba; e tem ainda prêmios da Agência Curitiba/Vale do Pinhão, Associação Comercial do PR e Instituto Legado.      

Mas a Y quer mais! Entrando na adolescência, e tendo sido acelerada pelo Itaú & Fundação Yunus em 2020, e pela Febraban, Banco Central & Voe sem Asas e Facebook & Quintessa esse ano, a empresa está preparada para crescer e fomentar ainda mais a economia do entorno dos seus patrocinadores com projetos ESG. Assim como a Y, eu também acredito que há potencial em todo indivíduo! Tendo oportunidade, um dia após o outro a Y vai ferramentando o indivíduo, mudando a realidade do lugar onde vivemos, e de quebra, melhorando um pouquinho o nosso país.

Feliz aniversário, Youngers! Com o acúmulo de horas de experiência de vocês, a expertise para executar seu propósito vocês já têm! Agora é aproveitar as oportunidades que se apresentarem para fazer ainda mais.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *